24 de dez de 2012

Os Guardiões : A Retomada das Pirâmides Astrais de Gizé - Experiências com Desdobramento 2.0

Destruindo a egregora trevosa da "profecia" de 2012, os milhões que foram alienados despertarão


Pergunta que recebi nos post: AQUI 


Na série de posts que estão no link acima é explicado como foi planejada a ofensiva dos guardiões no dia 21 de dezembro para iniciar o processo de higienização do astral da Terra nos próximos 24 anos até o auge da transição planetária em 2036, assim como a ofensiva para destruir a gigantesca egrégora negativa criada sobre a “profecia” de 2012 e que iludiu milhões de pessoas em todo o mundo. Eis a pergunta sobre o tema:

“Mas então, o portal do dia 21 se abriu? tomamos as pirâmides dos magos negros?” (Bruno)

Sim Bruno, as três pirâmides astrais localizadas em Gizé foram retomadas pelos guardiões, foi o início da intensificação de uma grande ação de higienização no astral inferior e intermediário da Terra que continuará se expandindo pelas próximas duas décadas, até o auge da transição planetária em 24 de abril de 2036. Todas as informações sobre essas mudanças podem ser compreendidas nessa série de links: AQUI 

Os guardiões inclusive mostraram para mim alguns mapas durante o desdobramento consciente que tive na noite do dia 21 para o dia 22. Esses mapas mostram as próximas localidades no astral inferior e intermediário que sofrerão uma ofensiva maior dos guardiões.

Nos mapas foram mostrados 3 locais específicos: uma colônia no astral inferior localizada na falha de san Andreas (me explicaram que a recente onda de pequenos terremotos que atingiu a região foi resultado de uma série de testes com armas astrais que os magos negros realizaram na região), uma outra colônia no astral inferior localizada na contrapartida astral do monte Rushmore (onde estão esculpidos os rostos de 4 presidentes americanos).

Colonia astral no Monte Rushmore, os 4 presidentes americanos ex faraós


Eu perguntei pros guardiões porque retomariam aquela localidade. O guardião me respondeu que os 4 presidentes que forma esculpidos naquela pedra foram ex faraós egípcios e tinham ligação direta com as entidades negativas que controlavam, até a invasão dos guardiões no dia 21 de dezembro, as pirâmides astrais de Gizé.

Foram eles, os 4 presidentes, que inspiraram a construção física do monumento (1927-1942) que já existia no astral. A colônia  astral daquela região, segundo os guardiões, tem extensa ligação com a política partidária de um dos partidos mais belicosos dos Estados Unidos e responsável direto pelas guerras que ocorreram nos últimos anos, desde o conflito no Kuwait. Curiosamente dos 4 presidentes representados no monumento um não tinha partido e os outros 3 foram republicanos...

A terceira localidade era um vulcão que servia de entrada para uma colônia trevosa existente no território russo. Mostraram-me o mapa dessa localidade e informaram que recentemente esse vulcão entrou em erupção em virtude de testes semelhantes aos realizados na faixa de san Andreas por magos negros.

O guardião me esclareceu inclusive que esses dois grupos de milícias lideradas por magos negros, tanto o de san Andreas como o desse vulcão da Rússia são espíritos que ainda alimentam antigos conflitos da chamada “Guerra Fria”, sendo inclusive muito comum que médiuns em desdobramento ao acessarem os domínios dessas entidades de alguma forma, enxerguem as edificações astrais com aparência muito semelhante aos prédios e ao modo de se vestir  daqueles espíritos ali vivendo semelhante ao que existia na época de 1960 entre os encarnados.

Os guardiões também capturaram nessa missão realizada em Gizé um assecla dos magos negros com aparência andina, que deu importantes informações sobre algumas pirâmides astrais e colônias ligadas a antigos vulcões, ambas localizadas na meso América e na América do sul e que serão retomadas completamente nos próximos anos.

Os guardiões me contaram que muitos espíritos que encarnaram no passado naquela região infelizmente foram vítimas de sacrifícios e intensas guerras em virtude de antigos rituais e da invasão espanhola naquelas regiões da meso América e que havia diversos bolsões de espíritos no astral inferior ainda sob o controle de magos negros, sendo que muitas dessas almas necessitavam de uma nova oportunidade encarnatória em breve, do que eu entendi que essa retomada, por parte dos guardiões, das antigas pirâmides das Américas que estão sob o domínio de magos negros não irá demorar muito pra ocorrer (provavelmente em menos de 5 anos).

Piramide maia sob o controle de magos negros
Pirâmide que em breve será retomada pelos guardiões

“Coincidentemente” um vulcão no Chile entrou em erupção exatamente no dia 22...

Enfim, como eu havia dito antes em outros textos do blog, essa ação dos guardiões no dia 21 foi apenas o início de uma série de ações que desmantelarão as forças trevosas do astral inferior e intermediário, até o grande auge em 2036 quando a egrégora do Sol Negro será retirada da Terra.

O período final da era de expiação e provas que englobará os próximos 24 anos será de muitas lutas, mas é necessário para o doloroso “parto” da era de regeneração que precisa nascer em meio às contrações da mãe Terra. 


Feliz natal aos amigos do blog e da fanpage, apesar que o aniversário do Messias foi em 21 de setembro, como pode ser conferido AQUI 


Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:
http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036



20 de dez de 2012

O Fim das Lendas: 21/12/12

Egrégora trevosa da "profecia" de 2012
Egrégora negativa criada a partir da "profecia" sobre 2012


Uma gigantesca egrégora trevosa criada por magos negros, iludindo milhões de pessoas e milhares de médiuns e canalizadores pelo mundo todo. Qual é o real motivo da histeria coletiva causada pela “profecia” de 2012 e todos os seus equívocos amplamente divulgados pela mídia mundial. O lado oculto da profecia de 2012 é desvelado nessa série de 5 textos:


Egrégoras e o Inconsciente Coletivo: AQUI 

O Que Acontecerá em 21 de dezembro de 2012 (Parte I de II):  AQUI 

O Que Acontecerá em 21 de dezembro de 2012 (Parte II/ Final): AQUI 

O Grande Terremoto Previsto por Jesus e o Início de uma Nova Era: AQUI 

Egrégoras, Energia e Ectoplasma, seu significado: AQUI 

A profecia no Codex de Dresden não fala em 2012: AQUI 

Nibiru não existe: AQUI 

Nessa série de textos descobriremos porque a Era astrológica de aquário só começará daqui a 100 anos, porque o sistema solar não gira ao redor de Alcyone, porque Alcyone não é o Sol central, porque não teremos início de um Apocalipse ou o início de uma nova era ao final de 2012 e finalmente, porque não virá nem em 2012, 2013, 2019, 2030 um “astro intruso” (Nibiru, Marduk, Hercóbulus).

Todas as lendas sobre 2012 analisadas sob a luz da razão com argumentos embasados nas fontes mais confiáveis do planeta.

Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook: 


13 de dez de 2012

Uma Reunião de Apometria

Alcyone luz azul de fótons


A Apometria é uma técnica baseada essencialmente em comandos ou pulsos magnéticos profundamente atrelados à vontade e a concentração psíquica do médium, pois o sucesso dessa técnica depende essencialmente do direcionamento que o médium dá a sua energia mental. Desde os pulsos ou comandos magnéticos (de forma muito comum feitos em contagem lenta com estalar dos dedos), a criação mental de campos de força nas mais diversas formas, a mentalização para direcionar da própria energia ectoplasmática para um paciente ou para um ou mais médiuns reunidos na mesa, a sintonização e captação da vibração de um determinado espírito para dessa forma pesquisar suas faixas de passado, tudo isso está ligado a forma e as técnicas que o médium apometra utiliza para manipular sua energia mental e utilizá-la em um trabalho de Apometria. Para compreender melhor a energia mental e demais energias utilizadas na Apometria, esse post esclarece muita coisa: AQUI

A ação da Apometria exige uma concentração muito maior dos médiuns e uma postura muito mais ativa destes, pois os espíritos amigos normalmente encaminham para as reuniões de Apometria casos graves, sobretudo envolvendo severos problemas psíquicos e emocionais, que muitas vezes não se explicam por uma simples obsessão.

Em geral o apômetra realiza alguns processos espirituais, como a desobsessão, de uma forma mais lúcida do que a tradicional desobsessão espírita, pois tem a consciência que, conforme o caso e a necessidade, a utilização mais intensa de determinada forma de energia mental aliada ao próprio ectoplasma que o médium possui, poderá ser muito mais útil e proveitosa aos espíritos amigos que trabalham auxiliando o processo da desobsessão. Quando um grupo de médiuns é treinado pra buscar compreender a raiz do problema daquele determinado paciente, esse grupo torna-se ferramenta muito mais atuante de ajuda aos espíritos amigos, pois a utilização da energia mental desses médiuns se realizada de forma adequada, potencializará muito mais os benefícios do ectoplasma que esses médiuns doarem.

De forma alguma isso desmerece as técnicas mais tradicionais para combater a obsessão, que são utilizadas nos centros espíritas mais ortodoxos, mas se existem técnicas novas que já comprovaram sua eficácia, porque não ao menos tentar conhecer, testar e analisar essas técnicas? É isso que muitos centros espíritas vêm realizando, ou seja, começando a utilizar técnicas apométricas em suas mesas.

As leis, os postulados e a técnica denominada Apometria está sintetizada nas obras do Dr. José Lacerda de Azevedo (médium formado em medicina): “Espírito e Matéria, Novos Horizontes para a Medicina” e “Energia e Espírito”

Além do estudo científico de como utilizar as energias mentais, o princípio básico da Apometria é a caridade, visto que seus princípios morais estão alicerçados no Espiritismo, dessa forma a importância da caridade é equivalente às técnicas psíquicas que a Apometria ensina.

Antes de falar um pouco sobre como funciona uma reunião em um grupo de Apometria, é importante falar o que não se faz na Apometria ou simplesmente o que não é Apometria, pois muitas pessoas seja por desconhecimento ou pré conceito, fazem uma idéia errônea sobre o que é a prática apométrica.

Primeiro de tudo: não existe apometria xamânica, apometria quântica, apometria do fulano (escritor ou palestrante tal) ou do ciclano, pois Apometria é uma só, definida e baseada nos postulados trazidos pelo Dr. Lacerda. O que existe são médiuns, como o Robson Pinheiro e outros, que compartilham algumas experiências pessoais com a Apometria.

Segundo: não existe Apometria feita por uma única pessoa, Apometria se faz em grupo. Por mais experiente, conhecedor da técnica apométrica e bem disposto (com grande carga de ectoplasma) que o médium esteja, ele sozinho não vai dar conta de 99,99% dos casos que a Apometria trata, pois normalmente são casos que exigem grande cota de ectoplasma por parte dos médius e ações diferentes feitas ao mesmo tempo dos médiuns da mesa, que explicarei ao longo desse texto.

Terceiro: médium em desequilíbrio emocional (a não ser que consiga se desligar do problema emocional que o atormenta enquanto trabalha na mesa) ou com baixa imunidade física (seja por uma gripe mais forte ou por algum tratamento mais invasivo como uma quimioterapia) não tem condições de trabalhar em uma mesa de Apometria e na maioria desses casos nem em qualquer atividade mediúnica. Uma coisa é o médium que tem pressão alta, diabetes ou outra doença controlada, que está com a sua imunidade equilibrada, outra coisa é o médium desvitalizado, esse ultimo caso precisa de tratamento pra se restabelecer e não doar das energias ectoplasmáticas de que não dispõe.

No próprio Espiritismo, as atividades de médiuns mais ostensivos, como a psicografia, a incorporação e outras necessitam de grande cota de ectoplasma do médium, sendo inviável para o espírito amigo ou mentor se manifestar de forma mais ostensiva quando o médium está com a imunidade muito baixa, é o mesmo que esperar que um carro ande com o tanque vazio, da mesma forma o espírito comunicante não terá como “andar no seu cavalo” se este estiver muito desvitalizado. 

Olhar no umbral

Quarto: médium em mesa de Apometria não incorpora obsessor na frente do paciente, somente dá passagem ao obsessor após o paciente sair da sala. Da mesma forma o médium não fala coisas que o paciente fez em encarnação pregressa, ainda mais do tipo “você matou numa outra encarnação o espírito que agora é seu filho” ou “fulano está grudado no seu cangote te obsediando”. Os médiuns de uma mesa que realiza Apometria estão ali pra ajudar o paciente e não pra assustá-lo, alguém que precisa de Apometria é porque já está de alguma forma abalado emocionalmente e não precisa ficar ainda mais abalado, sendo assim a Apometria e seus médiuns evitam falar sobre situações embaraçosas de encarnações pregressas que envolvam o paciente, bem como desaconselha na maioria dos casos que o paciente procure fazer regressões em outros locais, pois em muitos casos ele não está preparado pra ver algo ruim que porventura tenha feito em encarnação pregressa. 

Aliás, na maioria das vezes, o que a Apometria faz é “fechar” uma faixa de passado, ou seja, uma impressão, sentimento ou lembrança inconsciente de uma época passada, que permanece reverberando no consciente da pessoa, é como se determinada vivência traumática permanecesse ressonando do inconsciente para o consciente, não permitindo que a pessoa supere aquela sensação ou experiências negativa, casos que muitas vezes são confundidos por médiuns menos experientes com algum obsessor, que nesse caso específico nem existe (e nesse ponto discordo da análise sobre as personalidades múltiplas que o Godinho realiza, mas isso já é outra história)  

Vamos então finalmente saber como funciona em sua estrutura uma reunião mediúnica. O ideal é que na mesa tenhamos um ou dois médiuns para realizar o passe no paciente, que consiste na limpeza dos miasmas, vitalização do paciente ou afastamento para a mesa do obsessor que estiver junto do paciente.

Temos na mesa, também, a pessoa na mesa que dirige os trabalhos (dirigente) responsável por observar se algum médium precisa de auxilio em alguma atividade e também por reger os trabalhos, colher as impressões e opiniões dos médiuns sobre determinado caso e decidir qual ação tomar.

Temos também os médiuns que realizam a limpeza, projetando-se mentalmente a um local específico ou em zonas inferiores para colaborar no processo de desobsessão, é interessante que um desses médiuns seja de incorporação ou “passagem” ou então com a vidência espiritual mais acurada para assim ajudar a mesa a estabelecer um contato mais direto com o obsessor. Existe também em muitas mesas a pessoa responsável pela organização das fichas, leitura dos casos, leitura do evangelho, enfim, uma espécie de escriba ou secretário das atividades “burocráticas” pertinentes ao trabalho do grupo.

É comum em muitos casos o trabalho iniciado numa reunião prosseguir no mesmo dia ou no dia seguinte no astral, enquanto o médium dorme e muitas vezes ele se lembra com grande consciência do trabalho que realizou, muitas vezes até mesmo das imagens que viu durante o atendimento quando estava acordado, mas com algum auxilio de informações extras durante o sono, pela projeção lúcida ou simplesmente desdobramento consciente.

No grupo em que eu trabalho existe na sala um mesa retangular que comporta até 10 a 12 médiuns e de frente pra essa mesa, um pouco distante, temos uma cadeira, que chamamos de “a cadeira do paciente”, é ali que o paciente senta, relata seus problemas pros médiuns da mesa e recebe o passe do passista, enquanto os médiuns da mesa realizam as atividades pertinentes àquele determinado caso.

Nesse grupo temos dois trabalhos básicos: pronto socorro e apometria.

O pronto socorro é quando o paciente chega pela primeira vez ao atendimento pro nosso grupo e nesse primeiro contato analisamos se é caso pra Apometria ou se deve ser encaminhado para um tratamento mais específico em outro ponto da casa, como um passe de corrente, passe isolado, desobsessão coletiva, mediúnico de saúde ou cromoterapia.

Se for pra Apometria, então se inicia o tratamento, quando o paciente tem um dia marcado pra retornar e normalmente precisa retornar algumas vezes, conforme o caso exija. O pronto socorro é encaminhado através do atendimento fraterno, que é uma conversa com um dos médiuns da casa pra analisar se o caso do paciente é pra uma possível Apometria ou se já pode ser encaminhado pra algum outro tratamento da casa mais condizente com a sua necessidade. Caso o atendente fraterno sinta que o caso é passível de Apometria, ele então encaminha o paciente pra um pronto socorro e o grupo então vai realmente saber se é pra Apometria ou não.

Normalmente a Apometria pega os casos mais difíceis, como problemas envolvendo drogas e outros vícios, depressões profundas, casos de saúde, mas normalmente com algum distúrbio psíquico e que possa ter algum componente espiritual determinante. Vale ressaltar que a Apometria busca tratar a parte espiritual desses sintomas sendo necessário, praticamente em todos os casos, um tratamento em conjunto com a medicina da Terra (médicos, psiquiatras, psicólogos, assistentes sociais, grupos de apoio a dependentes químicos) pois se um paciente tem diagnóstico de alguma patologia que necessita de medicação não é o tratamento apométrico que vai substituir a medicação.

Conjunçao planetas luz azul no universo

Por fim é interessante falar sobre a aparelhagem astral que existe no grupo de Apometria. No caso da casa que eu trabalho, existem diversos hospitais no astral superior cada um com funções específicas, como por exemplo A Casa de Misericórdia, Hospital do Luis Sérgio entre outros.

Antes do inicio dos trabalhos os médiuns da mesa são levados a um desses locais (projetados mentalmente através de pulsos magnéticos) para que possam entrar em sintonia vibratória com as entidades socorristas e os médicos do astral que irão atuar nos casos do dia.  A cadeira do paciente possui no astral uma estrutura com um material semelhante ao ferro, que tem como função imantar as formas pensamento que orbitam no campo magnético do corpo astral do paciente. Na parte superior das paredes existem fachos de luz de diferentes cores, como o branco, o azul e outras cores que são ativados pelos médicos do astral durante algum atendimento, seja em direção a mesa ou em direção a cadeira do paciente. 

Ao redor da mesa, circundando e protegendo os médiuns, existe um grande campo eletromagnético, formado por aparelhos que ficam atrás da cada uma das cadeiras da mesa e ligados entre si por cabos que conduzem uma espécie de luz, eletricidade, que visa potencializar a energia mental produzida pelos médiuns.

Existe ainda dois elementos astrais importantes na sala: um cone que fica girando e auxiliando no equilíbrio vibratório da corrente mediúnica e uma pirâmide, que fica no centro da mesa pairando e despejando energia sobre a mesa, bem como se alimentando com a força mental e o ectoplasma dos médiuns, elevando a sua vibração e sutilizando essa energia. Essa pirâmide é composta por um material semelhante ao cristal liquido e dentro dela existe uma luz que pulsa, de cor violeta, que segundo meu entendimento deve ser o centro energético da egrégora do grupo, por isso ela faz a luz pulsar e se movimentar com certo ritmo, como se tivesse vida própria.  

Basicamente essa é a estrutura de uma reunião de Apometria, bem como seus elementos principais. Espero que essa descrição possa auxiliar de forma positiva aos interessados em conhecer um pouco mais a Apometria 

Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:  http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036 


5 de dez de 2012

O Grande Terremoto e a vinda da Nova Era prevista por Jesus

A queda da Atlantida, apocalipse atlante
O Apocalipse atlante

Pra saber mais sobre esse tema, o post do blog: AQUI 

Um dos grandes eventos descritos por Jesus tanto no sermão profético como no Apocalipse é um imenso terremoto, maior do que o evento ocorrido na Atlântida, terremoto esse que demarcará segundo o Messias o auge dos eventos da Grande Tribulação e a aproximação da Nova Era de Regeneração/Luz. Vamos compreender um pouco como será este evento:

“O Dragão Vermelho varria com sua cauda uma terça parte das estrelas do céu, e as atirou à terra. Foi então precipitado o grande Dragão, a primitiva Serpente, chamado Demônio e Satanás, o sedutor do mundo inteiro. Foi precipitado na terra, e com ele os seus anjos. Houve, então, relâmpagos, vozes e trovões, assim como um terremoto tão grande como jamais houve desde que há homens na terra. A grande cidade foi dividida em três partes, e as cidades das nações caíram. TODAS as ilhas fugiram, e montanha alguma foi encontrada. O céu desapareceu como um pedaço de papiro que se enrola e TODOS os montes e ilhas foram tirados dos seus lugares. Depois vi o Cordeiro abrir o sexto selo; e sobreveio então um grande terremoto. O sol se escureceu como um tecido de crina, a lua tornou-se toda vermelha como sangue e as estrelas do céu caíram na terra, como frutos verdes que caem da figueira agitada por forte ventania. No dia em que Lot saiu de Sodoma, choveu fogo e enxofre do céu, que exterminou todos eles. Assim será no dia em que se manifestar o Filho do Homem . Quando começarem a acontecer estas coisas, reanimai-vos e levantai as vossas cabeças; porque se aproxima a vossa libertação”. (Apocalipse 12:4,9; 16:18-20; 6:14, 12,13; Lucas 17:29-30, 21:28)

Dragão vermelho é a referência que é feita a serpente primitiva (Apocalipse 12:9) que reina no abismo, conhecida como Apolion e Abadon (Apocalipse 9:11), palavras de origem grega e hebraica que significam devastador, o mesmo devastador que é referido ao final da profecia dos 70 períodos de Daniel (Daniel 9:27), profecia essa citada por Jesus no sermão profético. 

Segundo antigas lendas egípcias, que se perpetuaram entre o povo hebreu, existia uma criatura primitiva, uma gigantesca serpente nas profundezas da Terra, que vivia no abismo e que tinha como nome Apep, palavra que significa destruidor, sinônimo de devastador, ou seja, essa mitológica criatura é citada tanto em Daniel, como no Apocalipse. Em ambos, entretanto, essa criatura é relatada como algo que vem dos céus, pois vem “na asa das abominações” (Daniel 9:27) ou como um dragão (serpente voadora) que é precipitado na terra (Apocalipse 12:9) ou como diz Daniel “caia sobre o devastado” (Daniel 9:27).

Apophis o dragão vermelho vindo dos céus , apep a primitiva serpente

Apep, vindo dos céus e sendo descrito como uma serpente voadora (dragão) vermelha caindo na terra, o que seria afinal? Bingo pra quem respondeu o asteróide Apophis (sinônimo grego para o hebraico Apep), pois um asteróide caindo do céu tem a aparência exatamente vermelha, trazendo intenso calor ao seu redor como labaredas de fogo explodindo (a semelhança de um dragão) e formando na descida uma cauda. Esse evento, somado a outros eventos desencadeados pela queda do asteróide, seriam suficientes para mover em muitos graus o eixo terrestre, realizando as profecias feitas por Ramatis sobre a verticalização do eixo terrestre. Esse fenômeno causaria a impressão de estrelas caindo do firmamento, devido ao movimento abrupto do eixo. Mas porque então é dito que um asteróide será o sedutor do mundo inteiro? Simplesmente pelo fato de que, de alguma forma, todos os seres sentirão o efeito da sua vinda; seduzir significa fascinar que em última instância significa subjugar (segundo o dicionário Aurélio) e a ação do Apophis colocará toda a humanidade terrestre sob o seu jugo de alguma forma em virtude dos efeitos que causará.

A divisão em 3 partes da “grande cidade” é uma referência a divisão dos Estados Unidos, em virtude de dois fenômenos que serão desencadeados pela queda do Apophis, um deles é o Big one na costa oeste e o outro evento, mais ao norte, é em Yellowstone. Esses eventos é que escurecerão o dia e especificamente o tremor em San Andreas será o grande tremor citado por Jesus, que em virtude da divisão do território americano causará o afundamento de uma das placas tectônicas, causando maremotos em todas as regiões costeiras do planeta. Mais sobre a grande cidade no Apocalipse pode ser visto AQUI 

A confirmação de que será através de um asteróide que os eventos serão desencadeados, está no relato de Jesus no sermão profético a fazer uma referência a destruição de Sodoma e Gomorra, que sabemos hoje através de pesquisas cientificas e históricas, ter ocorrido pela queda de um asteróide. Mais pode ser visto AQUI 

Entretanto Jesus deixa claro no sermão profético: “Quando começarem a acontecer estas coisas, reanimai-vos e levantai as vossas cabeças; porque se aproxima a vossa libertação” ou seja, o Rabi da Galiléia deixa claro que apesar das catástrofes desses eventos, eles prenunciam a tão esperada mudança da Era de expiação e provas para um Era de luz, um mundo de Regeneração, eventos que ocorrerão em 2036 e não em 2012 como alguns médiuns, que não estudaram com afinco as profecias do Mestre, andam propagando por aí. 

É dever de todo o cristão e de todo o espírita estudar os ensinamentos de Jesus e entre estes ensinamentos, estão as profecias do sermão profético e do Apocalipse, portanto amigos,cuidado com teorias sobre 2012 que estão sendo ensinadas por aí, pois essas teorias não encontram qualquer base nas sábias palavras do Mestre nazareno.

Sobre a profecia dos 70 periodos citada por Jesus no sermão profético: AQUI  

Jesus ensinando

E antes que apareça alguém dizendo que as profecias foram feitas para não serem cumpridas:

"Quando ouvirdes falar de guerras e de tumultos, não vos assusteis; porque é NECESSÁRIO que isso aconteça primeiro, mas não virá logo o fim." (Lucas 21:9)

No caso o fim da era de expiação e provas, não virá logo como alguns apressadinhos já adiantaram pra 2012....

"Se o Senhor não abreviasse aqueles dias, ninguém se salvaria; mas Ele os abreviou em atenção aos eleitos que escolheu. Ficai de sobreaviso. Eis que vos preveni de tudo". (Marcos 13:20, 23)

Jesus é claro ao informar que Deus ainda evitou que o karma da humanidade fosse completamente resgatado, pois caso assim fosse o planeta seria totalmente destruído. E Jesus ainda arremata: preveniu e pediu pra ficar de sobreaviso, tamanha a importância dos eventos futuros que ocorrerão, que já serão eventos abreviados pela ação divina segundo a descrição do próprio Jesus.

Pra complementar esse estudo, Jesus afirma no sermão profético que a volta do Filho do Homem será precedida por alguns sinais, mas um em especial ele destaca:

“Logo após estes dias de tribulação, o sol escurecerá, a lua não terá claridade, cairão do céu as estrelas e as potências dos céus serão abaladas. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do Homem. Pois como o relâmpago, reluzindo numa extremidade do céu, brilha até a outra, assim será com o Filho do Homem no seu dia". (Mateus 24:29-30, Lucas 17:24)

Jesus alerta que o sinal da sua vinda será um relâmpago vindo de uma extremidade a outra do céu, uma visão muito semelhante a queda de um asteróide, causando intenso barulho e brilho no céu, sendo visto em todas as partes do mundo. Jesus confirma que esse sinal, esse relâmpago é a primitiva serpente (apep/Apophis), o opositor (demônio, satan) caindo dos céus, ou seja, o asteróide Apophis caindo em 2036:

"Jesus disse-lhes: Vi Satanás cair do céu como um raio." (Lucas 10:18)

Em Apocalipse capítulo 12, satanás é apresentado como sinônimo de primitiva serpente, ou seja, sinônimo de Apep, que representa o asteróide que virá na asa das abominações, o dragão vermelho que descerá cuspindo fogo dos céus.

Podemos concluir que Jesus, tanto no sermão profético como no Apocalipse deixou claro que o grande evento que irá trazer a mudança para uma nova era é a vinda do asteróide Apophis em 2036.

Antes de darmos ouvidos a canalizações ou mensagens mediúnicas proféticas sobre apocalipses, ascensões ou nova era, vejamos se elas estão em consonância com as palavras do Mestre Jesus, o maior dos profetas e o maior dos médiuns e que não falou ou indicou absolutamente nada sobre o inicio de uma nova era para final de 2012. 


Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:
http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036 

   

2 de dez de 2012

Egrégoras, Ectoplasma e Energia

Forma pensamento e egrégora


Pergunta interessante que chegou nos comentários do post “O que acontecerá em 21 de dezembro de 2012”: AQUI 


Tenho umas duvidas sobre este e o post passado. Espero que possa me esclarecer:


1) A Irmandade Muçulmana no Egito está ameaçando destruir todas as piramides e a esfinge(sob a alegação de idolatria). Além da perda cultural e de conhecimento , a destruição dessas piramides pode trazer algum desequilíbrio energético espiritual pro mundo?

2) A kaaba negra em Meca (para a qual os islâmicos dirigem suas orações) é um receptáculo de energia ou ectoplasma? Alguém está usando toda essa energia pra algum proposito?

3) Se puder fazer um post diferenciando egrégoras  de energia, e de ectoplasma eu ficaria grato. Faço muita confusão.” 




Então vamos começar pelo mais simples: a diferença entre energia, ectoplasma e egrégora. 

Apesar das inúmeras e amplas definições existentes sobre energia, eu gosto de definir energia como tudo aquilo que o espírito, encarnado ou desencarnado, é capaz de emitir, em direção ao meio onde se encontra ou a uma ou mais pessoas. 

Existem diversos tipos de energia, mas de forma simplificada o médium trabalha com dois tipos de energia que ele emite de si próprio: 

Uma é basicamente mental, a vontade, é essa energia que gera a vibração que direciona para onde irá o segundo tipo de energia, a animalizada, conhecida como ectoplasma, que está no duplo etérico (corpo energético que fica entre o corpo físico e o astral). 

O ectoplasma é em suma um fluido magnético, normalmente os chamados médiuns magnéticos ou com um nível saudável de ectoplasma no corpo, apresentam as taxas de ferro elevadas no sangue. O ectoplasma serve como “meio de campo” entre as energias mais sutis que vem da Alta Espiritualidade e o paciente que precisa ser atendido.

Essas energias mais sutis são emanações energética divinas que vem diretamente da Fonte (Deus, Criador) e que gradativamente vão adentrando em todos os planos e níveis existenciais do Universo, é o chamado fluido universal que ao chegar na Terra é trabalhado por espíritos evoluídos e dividido na forma de diversos tipos de fluidos ou como alguns chamam “raios” de energia. Essa energia interage com todo o planeta e cada um de suas cores tem aplicações específicas na fisiologia espiritual humana. 

Nos tratamentos de cura, os espíritos mais evoluídos que trabalham com a medicina no astral trazem o fluido universal na forma adequada para ajudar em determinado processo de cura e utilizam o médium doador da energia mais animalizada (magnética, ectoplasma) e sustentado energeticamente pelo demais médiuns da mesa, a doar seu ectoplasma que terá misturado dentro dele essa energia sutil, que será absorvida pelo paciente. É como um remédio (fluido universal) que precisa de uma cápsula (ectoplasma) para ser melhor absorvido pelo corpo.  

Vimos duas energias básicas que o ser humano produz: a mental e a ectoplasmática

Pois bem, quando alguém começa a pensar muito em determinado assunto, seja algo positivo (novas formas de ajudar as pessoas, estudos mais amplos da espiritualidade) ou negativo (raiva, ódio de outras pessoas), ela cria ao redor de si o que se conhece por forma pensamento, uma energia ectoplasmática que fica orbitando ao redor do corpo da pessoa. 

Quanto mais nobres e sinceros forem esses pensamentos, mais ampla e iluminada será essa forma pensamento, quando mais raivosa, depressiva ou destrutiva forem esses pensamentos, mais escura e densa será essa forma pensamento e se alojará no chacra que corresponde ao problema. Por exemplo, alguém com dificuldade de perdoar outra pessoa e que cultiva sistematicamente raivas e ódios da mesma, a forma pensamento se alojará na região próxima dos rins e fígado e caso esse ódio seja ainda mais profundo, a névoa se formará sobre o cardíaco também.

A egrégora é um tipo de forma pensamento, mas é uma forma pensamento que não orbita nenhuma pessoa ou espírito, é simplesmente um centro, um foco de pensamentos, para onde vários espíritos canalizam seu pensamento, formando um centro de energia que se expande, recebendo energia de quem se alinha com o propósito da egrégora e ao mesmo tempo doando da energia que está ali dentro. Existem egrégoras positivas e negativas, assim como egrégoras que possuem energias positivas e negativas (mais sobre isso pode ser visto na segunda parte do texto “O que acontecerá em 21 de dezembro de 2012). Tanto a Kaaba como o Vaticano são o centro energético a nível físico de duas gigantescas egrégoras que existem no astral, a primeira ligada ao mundo islâmico, a segunda ligada ao mundo católico ocidental  


Sem dúvida a egrégora ligada a Kaaba é um receptáculo tanto de energias mentais como de energias ectoplasmáticas, sendo que esta egrégora está diretamente ligada a outras egrégoras que existem no mundo islâmico, como por exemplo, a egrégora que existe ligada ao Alcorão. Da mesma forma no catolicismo ocidental, tanto a egrégora do Vaticano, como a da Bíblia são egrégoras ligadas entre si. O que ocorre especificamente na Kaaba é que ela recebe energias positivas e negativas: positivas dos muçulmanos que cultivam a paz, a segurança, o modo de vida pacífico e voltado para a caridade, preceitos fundamentais do Islã, mas também recebe as energias negativas dos extremistas interessados em guerra, destruição e revanche e que utilizam o Islã como base religiosa para tais idéias. Dentre esses extremistas estão aqueles interessados na destruição da pirâmide, apesar de achar que é bem improvável que isso aconteça. Uma matéria bem esclarecedora sobre esse tema pode ser lida AQUI 



Forma pensamento ligada ao ódio



Muitos magos negros aproveitam dessa carga de ódio e revanche existente na ala extremista justamente para fomentar uma destruição dessas, que causaria muito mais do que um desequilíbrio energético (até porque os magos negros não tem acesso aos fluxos de fluido universal que chegam a um chacra planetário da região através da Grande Pirâmide e das três grandes pirâmides que fazem sua contrapartida astral e são controladas por magos negros, que as utilizam como portais e locais para cerimônias de alienação de muitas pessoas que tem dívidas kármicas ligadas ao passado egípcio e que acabam sendo seduzidas por aquela antiga energia, acreditando piamente que fizeram iniciações para a “luz”).

Os magos negros sabem que em breve aquela região ficará sobre o controle dos guardiões, como exposto nos 2 textos sobre os eventos de 21 de dezembro de 2012, assim como sabem que a destruição física da Grande Pirâmide causaria grande reação da comunidade ocidental sobre o mundo islâmico naquela região e com um grande conflito, a atmosfera ficaria perfeita para que os magos negros tentassem manter o controle sobre as 3 piramides astrais que atualmente estão sob o domínio deles, mas que em breve voltarão ao domínio dos guardiões. 

Basicamente é isso aí, apenas como complemento segue uma pequena lista abaixo explicando alguns tipos de energia (onde se encontram fluidos e princípios nomenclaturas que são sinônimos de energia):

Fluido universal – Energia sutil de alta vibração emanada por Deus e que interpenetra toda a Criação e redução vibratória a medida que realiza essa “descida” dos planos superiores aos inferiores; está presente também dentro do princípio material (matéria)

Princípio material – Matéria, meio pelo qual o espírito se manifesta. Em sua essência o princípio material possui fluido universal, ou seja, em cada átomo, em seu centro atômico, existe fluido universal fusionado a esse centro. Mais sobre o tema no post: AQUI 


Fluido vital – É o fluido universal presente dentro dos seres orgânicos, ou seja, o fluido universal apenas se transforma em fluido vital ou vitalizado quando entra em contato com um organismo que possua espírito.

Ectoplasma – Fluido de natureza magnética que surge a partir de diversos mecanismos fisiológicos do corpo físico, duplo etérico e corpo astral, que se utilizam do fluido vital e do princípio material para dessa forma produzir esse fluido magnético que fica armazenado no duplo etérico, também conhecido como corpo vital

Chacra Coroa energizado


Acredito que de posse dessas informações será mais fácil compreender alguns temas abordados nos últimos três textos que publiquei no blog:

Egrégoras e o Inconsciente ColetivoAQUI 

O que acontecerá em 21 de dezembro de 2012 (Parte I de II)AQUI 

O que acontecerá em 21 de dezembro de 2012 (Parte II / Final)AQUI 


Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:
http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036