24 de jan de 2012

Atlântida em 5 Livros

Mapa com a Atlantida, Lemúria, Mú, Poseidon, mapa antigo platão

Desde Platão, os relatos da existência da Atlântida se mantêm como um dos assuntos mais fascinantes para leitores do mundo todo. Cinco livros transmitem, de forma diferente e muito nítida, argumentos que demonstram veracidade na existência dessa civilização. Vamos conhecer quais são essas obras, disponíveis em pdf para download:


O Fim da Atlântida – autor: Otto Muck

Capa do livro e pdf do livro o fim da atlantida do autor otto muck


Excelente livro com mais de 600 páginas, tem um enfoque mais científico e investigativo na busca de provas sobre a existência da civilização atlante, além de trazer interessantes pesquisas sobre os relatos de Edgard Cayce e Charles Berlitz. Pode ser baixado no 4shared:  AQUI 



A Queda de Atlântida – A Teia de Luz

A Queda de Atlântida – A Teia de Trevas – autora: Marion Zimmer Bradley 

Marion Zimmer Bradley livros sobre a Atlantida e pdf

Pra quem gosta de romance, é um prato cheio. A consagrada autora de “Brumas de Avalon” relata a saga de duas sacerdotisas que são irmãs, Domaris e Deoris e a existência na Atlântida de um grupo de sacerdotes dedicados a magia negra. Ambas são filhas de um sacerdote da luz, mas escolhem caminhos diferentes, o que poderá levar a queda da Atlântida. 


Podem ser baixados juntos no 4shared: AQUI 

Ou separadamente, com a capa original:

A Teia de Luz: AQUI 

A Teia de Trevas: AQUI 



A Máquina de Uriel – autores: Christopher Knight e Robert Lomas

A maquina de uriel em pdf


Sinopse: Investigações científicas modernas demonstram que a Terra foi atingida muitas vezes por cometas e meteoritos. Trabalhos de laboratórios sugerem que esses impactos poderiam proporcionar ondas marítimas de mais de 5 mil metros de altura capazes de percorrer 640 quilômetros por hora. Nos últimos 10 mil anos, houve dois impactos de tal proporção, um deles aproximadamente em 7.640 a.C., e o outro em 3.150 a.C., na época do conhecido Dilúvio de Noé. A Máquina de Uriel - As Antigas Origens da Ciência prova que os humanos não somente sobreviveram à inundação de 7.640 a.C., mas também desenvolveram uma civilização altamente avançada, dedicada a preparar-se para impactos meteóricos futuros. Construindo uma rede internacional de observatórios astronômicos sofisticados, esses astrônomos antigos criaram calendários solares, lunares e planetários exatos; mediram o diâmetro da Terra e predisseram a colisão de 3.150 a.C., permitindo a reconstrução da civilização em um mundo destruído. Essa era a verdadeira finalidade de estruturas megalíticas como Stonehenge. Além de muitas análises científicas, o livro apresenta também um viés esotérico e maçônico, agradando aos que apreciam essa linha de estudos. 

Pode ser baixado no 4shared: AQUI 




Atlântida e Lemúria: Continentes Perdidos – autor: William Scott Eliott

Atlantida e Lemuria por William Scott Eliott em pdf


O autor, célebre adepto da Teosofia, traz interessantes informações sobre a Atlântida e a Lemúria, relatando os 4 afundamentos que ocorreram na região atlântica, a 800 mil anos, 200 mil anos, 80 mil anos e a aproximadamente 12 mil anos. Para os interessados na visão da Teosofia sobre a Atlântida é um belo trabalho a ser lido. Pode ser baixado AQUI   

(a senha é PGEM. Digitar em maiúsculas e sem o ponto final). Esse livro também foi publicado com o nome de “Lendas de Atlântida e Lemúria”

Abaixo os mapas dessas 4 catástrofes que não constam no livro:

800 mil anos:

Mapa Atlantida e Lemuria a 800 mil anos


200 mil anos:

Mapa Atlantida e Lemuria a 200 mil anos


80 mil anos:

Mapa Atlantida e Lemuria a 80 mil anos


12 mil anos:

Mapa Atlantida e Lemuria a 12 mil anos, ruta e daitia


Complementando essas informações, existe uma série de 4 livros do Roger Feraudy que explica a vinda dos seres extraterrestres, conhecidos como dragões, pra Terra a 1 milhão de anos, passando por amplas explicações sobre a civilização atlante e suas colônias em território brasileiro a mais de 40 mil anos, chegando por fim a explicação da importância da ação do povo vermelho atlante na colonização indígena na America do Norte antes da vinda do homem branco. Pra conhecer mais sobre a ação dos dragões na Atlântida tem esse texto aqui do blog sobre os dragões e o fim da Atlântida: AQUI 

Com uma linguagem espiritualista, Feraudy mostra como surgiu a Umbanda no passado atlante. Esses livros são:

Livros de Roger Feraudy


Erg, o Décimo Planeta

Baratzil, a Terra das Estrelas

A Terra das Araras Vermelhas – Uma história na Atlântida

Haiawatha – O Mestre da Raça Vermelha    

Pra saber como comprar esses 4 livros, entre AQUI  





Comunidade Profecias 2036 no Orkut: http://www.orkut.com.br/Community?cmm=98634186


17 de jan de 2012

A Farsa do 11 de Setembro (Parte II/Final)

Parte I : AQUI 


Parte VIII: 


Parte IX: 


Parte X: 


Parte XI: 


Parte XII: 


Parte XIII: 




Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:

A Farsa do 11 de Setembro (Parte I)

Nessa sequência de 13 vídeos são mostradas as provas da farsa do 11 de setembro, uma engenhosa criação do governo Bush para dar argumentos ao início da guerra contra o mundo árabe.

Parte I: 

Parte II: 


Parte III: 


Parte IV: 

Parte V: 

Parte VI: 

Parte VII: 



Parte II: AQUI 




Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:
http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036

12 de jan de 2012

O Bicarbonato de Sódio na luta contra o Câncer

Esperança de ajuda na cura do cancer com bicarbonato de sódio

Antes de falar sobre a ação do bicarbonato de sódio sobre o câncer, é preciso esclarecer que esse texto em nada apóia os estudos do ex médico Tullio Simoncini, que prescrevia bicarbonato de sódio para tratar o câncer justificando que a causa da formação de todos os tipos de câncer seriam fungos.

O câncer tem inúmeras e variadas causas; fisicamente se apresenta devido a uma multiplicação descontrolada e em ritmo acelerado de células que invadem tecidos ou órgãos, ou seja, quanto mais invasivo for o tumor (mais enraizado) e quanto mais acelerada for essa multiplicação, mais agressivo será o tumor. Espiritualmente, um câncer também tem diversas causas, podendo ser fruto de um desequilíbrio emocional, estresse, resgate de atos praticados em encarnações pregressas, assim como um pedido de provação feito pelo próprio espírito para eliminar mais rapidamente seus débitos kármicos e impulsioná-lo a mais rapidamente despertar o desejo por uma reforma interior de atitudes. Cada caso é um caso, mas em todos eles, numa análise espiritual do fenômeno, o câncer se apresenta como uma “descida” ordenada de toxinas do corpo astral (perispírito) para um ou mais pontos específicos do corpo físico, sendo que essa carga de energia é que produz o combustível para a multiplicação desordenada das células que formarão o câncer.

O bicarbonato de sódio tem duas propriedades amplamente conhecidas: é um antiácido assim como é um eletrólito (por ser um sal), que tem como característica aumentar a condutividade da eletricidade na água.

Mãos com energia, estática na mão, eletricidade entre os dedos

Nas reuniões com o Dr. Fritz, que participei no inicio dos anos 90, pude observar diversas curas de câncer e todas elas tinham algo em comum: além dos passes magnéticos e em alguns casos a realização de cirurgias astrais (operações no corpo astral, sem utilização de instrumentação física ou cortes no corpo físico, realizadas pelo Dr.Fritz que incorporava no meu pai nessa época), em todas as oportunidades o Dr. Fritz prescrevia o uso da água fluidificada, para ser ingerida 3 vezes ao dia, num cálice com meia colher (de café) com bicarbonato de sódio. Na época, com meus 13 pra 14 anos não entendia o significado daquilo, mas hoje consigo compreender.

Primeiramente, a água fluidificada é carregada de energia, com os fluidos animalizados do médium e astrais, em “alta voltagem” dos espíritos que ali prestam assistência. Por ser um eletrólito, o bicarbonato de sódio potencializa a condutividade da água, permitindo que os fluidos ali depositados sejam mais bem conduzidos ao organismo humano, tanto no corpo físico como na contrapartida astral das células cancerosas. Da mesma forma, esses fluidos potencializam as propriedades antiácidas do bicarbonato de sódio. E no que essa potencialização pode ser útil?

As células tumorais têm ph mais ácido (6.6 a 7.0) do que as células normais (7.2 a 7.4), isso ocorre porque as células de um tumor não têm acesso fácil aos vasos da corrente sanguínea, o que diminui a oxigenação das células desse tumor, ou seja, quanto mais ácido for o ambiente, mais invasivo e mais rápido será o crescimento celular do tumor. Células normais não toleram ph ácido. Sendo assim o tumor quando cresce, deixa o ambiente em volta dele muito ácido, matando as células normais e fazendo com que as células tumorais cresçam ainda mais, invadindo cada vez mais o tecido ou órgão onde o tumor estiver alojado.

Um estudo publicado no respeitável periódico científico “Câncer Research” em 2009 mostrou que a acidez nos tumores é decisiva para a formação de metástases. Nessa pesquisa, ficou comprovado que o uso do bicarbonato de sódio aumentou o ph do ambiente tumoral, ou seja, diminuiu a acidez, o que pelo estudo não afetou o crescimento de tumores primários, mas reduziu o número e o tamanho das metástases nos estudos feitos em câncer de pulmão e intestino em ratos, o que aumentou o tempo de vida das cobaias, em relação aquelas que não receberam o bicarbonato de sódio.

Esse estudo foi o primeiro a comprovar de forma inequívoca o benefício do bicarbonato de sódio em casos de metástase.

Num dos casos que pude presenciar no inicio dos anos 90, uma paciente, na época funcionária do TJ do RJ, que chamarei de S. M. (iniciais do nome e sobrenome) e com um tumor maligno do tamanho de um ovo de codorna no cérebro, próximo a base do crânio, foi tratada exatamente com o bicarbonato de sódio, pois já havia sido desenganada pelos médicos. A última esperança seria uma cirurgia na Alemanha, que possuía na época uma moderna técnica para realizar a operação mesmo que com alto grau de risco. Após algumas semanas de tratamento com o Dr. Fritz e o bicarbonato de sódio a condição clínica dela havia melhorado o que motivou o médico brasileiro que foi com ela até a Alemanha, para que ela realizasse a cirurgia, pedir aos médicos alemães que refizessem os exames pra ver como estava o tumor na cabeça, pois era visível a melhora dela. Para a surpresa da equipe médica alemã, o tumor havia desaparecido praticamente todo, do que a equipe alemã aconselhou que ela não operasse e continuasse o tratamento espiritual que estava fazendo. Quase dez anos depois, quando minha família teve o ultimo contato com ela, até aquele momento ela estava saudável sem qualquer recidiva do câncer.

Mãos de luz, poder da mente na mão, iluminação humana

Vale ainda ressaltar, na questão dos fluidos emanados pelo médium durante o passe, que o corpo humano naturalmente possui em suas extremidades uma carga de energia estática, que pode ser potencializada na hora do passe, tanto pela ponta dos dedos como pelo próprio olhar. Isso explica também em parte os pulsos magnéticos utilizados no estalar de dedos na Apometria.   

Matéria sobre o estudo americano: AQUI

Um pouco mais sobre os estudos sobre o câncer: AQUI 

Estática no corpo humano: AQUI 





Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:


4 de jan de 2012

Benjamin Solari previu o Ápice da Grande Tribulação

Benjamin Solari Parravicini e o relógio profetico pra 2036, profecia



Benjamin Solari Parravicini foi um artista plástico argentino nascido em 1898 com dons paranormais que começaram a se manifestar ao final da década de 30. Ele desenhava e colocava mensagens junto a esses desenhos, alguns deles se mostraram profecias que inclusive já se realizaram como a morte de Hitler e Mussolini, o ataque as torres gêmeas, o atentado ao presidente Kennedy, a recente grande crise das bolsas americanas em virtude da bolha imobiliária e também o terremoto devastador no Haiti.

Pra conhecer esses desenhos e algumas interpretações, basta entrar nesse link: AQUI 

Num dos seus famosos desenhos, com os dizeres “La hora de La gran tribulacion  há llegado” (a hora da grande tribulação chegou), desenhado em 1938, Benjamin Solari fez um relógio estilizado que marca 2 horas e 2 minutos segundo a figura abaixo:

Benjamin Solari Parravicini e o relógio profetico pra 2036 interpretado

O ponteiro das horas marca entre os números 2 e 3 e ali estão três números romanos: 10, 11 e 12. Do lado esquerdo aparecem somados os números romanos 1 e 2. A interpretação é relativamente simples: o lado esquerdo se refere ao milênio, ou seja, somamos 1 e 2 e termos o terceiro milênio, que se iniciou em 2001. Da mesma forma temos de somar os três números romanos do lado direito, afinal se somamos do lado esquerdo pra encontrar o milênio devemos também somar do lado direito onde o ponteiro das horas aponta, dessa forma encontramos o número 33.

Teve gente (esquisotéricos entusiastas da teoria falsa de 2012) vendo 2012 no relógio. Ora, se somamos para achar o milênio temos de também somar pra achar o ano. Além disso, Benjamin foi claro: ele está mostrando aqui a hora da tribulação e não uns espaços de tempo, dessa forma as horas não apontam pra 2010, 2011 e 2012, mas sim para o ano 33 do terceiro milênio. Portanto, nada de 2012 ou profecias malas.

Vamos então começar a parte interessante: encontrar a data exata, a hora da grande tribulação no que o relógio permite. Do lado esquerdo temos a indicação do milênio, do lado direito no ponteiro das horas a indicação do século, década e ano. Mas pra saber as horas exatas necessitamos entender o que significa o ponteiro dos minutos, afinal quando alguém pergunta que horas são não respondemos apenas a hora, mas a hora e os minutos. Os minutos mostram com mais precisão, ou seja, os meses e dias.  

Precisamos então encontrar a relação entra as horas e os minutos para entender a pista deixada pelo profeta: os ponteiros marcando 2 horas e 2 minutos. Ele mostrou claramente o milênio, o século, a década e o ano no relógio, podemos entender que a relação das horas para os minutos é de 10 pra 1, ou seja, os minutos representam um décimo de 33 anos. Essa relação é facilmente percebida pelo esquema abaixo:

1 Milênio =  10 séculos
1 Século =   10 décadas
1 Década =  10 anos

Não foi a toa que ele deixou um mesmo número (2) representando as horas e os minutos, foi mais uma pista para considerar essa relação e descobrir o valor temporal dos minutos no relógio da grande tribulação.
   
Então vamos às contas: vejamos quantos dias teremos até o ano 33 no terceiro milênio, considerando os anos bissextos. Teremos 9 anos bissextos (ou seja, 9 anos com um dia a mais) então basta fazer a conta: 33 x 365 e somar 9 = 12.054 dias.

Um décimo é precisamente 1.205 dias, o que equivale exatamente há 3 anos e 110 dias. Portanto, o horário exato da grande tribulação segundo Benjamin Solari considerando as horas e os minutos do seu relógio profético e considerando que o ano de 2036 tem um dia a mais em fevereiro é 2033+ 3 =2036 e mais 110 dias, que no ano bissexto de 2036 cai em 19 de abril.

Resumindo: ele deixou números para somarmos e achar o milênio, números para somarmos e acharmos o ano nas horas e com mais precisão um número nos minutos, que somado às horas, traz o horário exato da grande tribulação.

Apophis, Terra, asteroide se aproximando, 2036 choque de asteroide

A data profetizada por Benjamin Solari é bem próxima a data que venho divulgando aqui no blog: 24 de abril de 2036. Provavelmente foi a mesma data que ele viu também, mas pelas limitações de expor essa data de forma figurada em um relógio (dividido em horas e minutos) foi o mais próximo de se chegar figurativamente através do relógio. Uma diferença mínima de 5 dias, mas expressa de forma genial por esse grande profeta que já possui várias profecias cumpridas.

Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:

http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036