12 de mar de 2016

Ação dos Guardiões no Brasil: A Manifestação de 13 de março - As Profecias sobre os Futuros Cenários do País - O Cenário Presidencial Futuro

Manifestações Brasil transição planetária, guardiões


Neste texto tentarei responder às perguntas sobre os principais assuntos trazidos nos últimos dois posts que trataram da ação dos guardiões nos recentes acontecimentos sociais e políticos no Brasil. A manifestação de 13 de março, o recente temporal em SP, os cenários políticos para o futuro e as transformações em curso previstas nos livros "Brasil o Lírio das Américas" e "Armagedoom 2036".

Os dois links a seguir trazem as 10 profecias cumpridas sobre o processo de transformação do país e o cenário profetizado para o homem do cavalo branco, antes de ler o textão a seguir, leia o conteúdo destes dois links:


As 7 profecias sobre a transformação do Brasil desde 2013:


As 3 profecias sobre a transformação do Brasil e o entendimento sobre o "homem do cavalo branco":


O PROCESSO EM SI

O livro "Brasil o Lírio das Américas" e mais recentemente o livro “Armagedoom 2036" explicam um amplo processo de transformações a nível mundial iniciado ao fim de 2012 na América do Sul e Central e que terminará ao final de 2017 nessa região do Globo. Tal processo, como descrito nestes dois livros e em alguns textos aqui do blog (em especial os apontados nos 2 links acima) tem por objetivo combater profundamente a corrupção, depurando governos e projetos de poder supranacionais através do estímulo da participação popular na vida política e democrática.

Esse estímulo, organizado pelos guardiões à serviço do Grande Conselho da Humanidade, visa estimular o esclarecimento da população sobre a vida política do país acima de partidarismos políticos, ou seja, fazer com que a população coloque o bem estar do país e o combate a corrupção acima de interesses partidários, acabando com a falácia do "sonho da esquerda", mostrando que não existe um partido ou político salvador ou acima dos demais, mas que todos devem responder igualmente nos direitos e deveres servindo ao povo e não a uma causa partidária.

Dentre os projetos de poder supranacional analisados nos dois livros o mais evidente na região da América do Sul foi o populismo e este tem sido combatido pelas equipes de guardiões desde o final de 2012, sendo o fim deste projeto profetizado com todas as letras no livro “Brasil o Lírio das Américas” lançado em setembro de 2014, pois se trata de um projeto que visa o domínio hegemônico de um único partido em cada país da América do Sul, claramente alinhado com um projeto de poder que se utiliza da corrupção sobre o Estado para enriquecer e se fortalecer, acabando com a democracia e com a liberdade dos cidadãos que ficam cada vez mais reféns do Estado. 

Esse projeto está chegando ao fim a olhos vistos, sobretudo na Argentina, Venezuela e Brasil, projeto que coloca uma filosofia política acima da pátria, que coloca interesses políticos pessoais acima da Constituição, que visa concentrar riquezas no ideal de um partido único, em prol de uma suposto filosofia populista que seria hegemônica na América do Sul.   

Os guardiões que trabalham a nível mundial e continental nas equipes de Anik e Jeremias e respondem em última instância ao Grande Conselho Planetário lutam pela democracia, pelo fortalecimento e cumprimento de leis cada vez mais justas para o povo e não toleram qualquer ataque ou ideário partidário que tente diminuir a democracia ou que estimule a luta entre irmãos

Sendo bem claro: os guardiões a nível mundial não toleram qualquer ideologia que estimule luta de classes, ou partido único no poder ou partidos e políticos que não respeitem as leis constituídas, dessa forma as equipes de guardiões a nível mundial se opõe veememente a qualquer projeto político ou pessoal que de alguma forma apóie qualquer item do ideário ligado ao Manifesto Comunista de 1848, que isso fique bem claro: qualquer filosofia política que estimule luta de classes, um partido único e hegemônico, democracia enfraquecida, não observância as leis constitucionais estabelecidas será sempre combatido pelos guardiões e em especial aqui na América do Sul está com os dias contados até o final de 2017.


DIFERENÇA ENTRE SOCIALISMO E SOCIAL DEMOCRACIA, ENTRE MAIS ESTADO E MENOS ESTADO, ENTRE ESQUERDA E DIREITA E QUEM É CORRUPTO E QUEM NÃO É CORRUPTO

Outro objetivo fundamental deste processo além de combater a corrupção é também estimular a participação popular a conhecer a essência filosófica dos partidos (que são os entes representativos do povo em uma democracia)

O que é um partido mais liberal e menos liberal? O que é um partido de centro direita e centro esquerda? Qual o ideário político de determinado partido? Será que o discurso e ações dos seus políticos condizem com o ideário do seu partido? Por exemplo: uma política que defende o regime de Nicolas Maduro, que saúda Fidel Castro, pode dizer que o partido do qual é líder é social democrata? Certamente que não, o discurso e postura deve estar aliado com a essência de um partido e no caso do exemplo citado essa política é socialista e não uma social democrata.

A corrupção se alastrou, mas cada um tem que pagar segundo a gravidade do que praticou, não dá pra querer colocar todo mundo no mesmo saco: um partido que institucionalizou um projeto criminoso de poder paga diferente de um partido onde alguns parlamentares se corromperam, sem que, entretanto, o partido inteiro ou sua cúpula tivesse entrado no esquema, esse é o primeiro ponto, essa conversa mole que todo partido é igual e corrupto não cola mais, só interessa para os corruptos que desejam nivelar todo mundo por baixo, como se para a justiça um ladrão de galinhas fosse igual a um homicida, o que não ocorre, pois cada um deve responder segundo a gravidade do delito praticado.

As provas contra o partido dos trabalhadores e suas principais lideranças são robustas e o esquema criminoso oriundo no Mensalão e continuado com o Petrolão provam este entendimento.

Certamente outros partidos e políticos de outros partidos, inclusive do PSDB devem estar envolvidos, mas isso não os coloca no mesmo patamar: o partido do governo institucionalizou um projeto criminoso de poder utilizando-se de empresas como laranjas para lavar dinheiro de corrupção sobre obras pagas com dinheiro público do Estado e utilizando esse dinheiro desviado para enriquecer o partido e autoridades do partido, isso está identificado claramente tanto no processo do Mensalão como nas investigações da Lava Jato e do MP, isso é bem diferente de um partido (seja PSDB ou PMDB) que tenha alguns de seus políticos envolvidos e, além disso, é importante considerar quem são os políticos com inquéritos, indiciados ou com alguma mínima prova de envolvimento em falcatruas, o que por si só coloca em um patamar bem diferente o partido do governo e os outros partidos, assim como políticos do partido do governo citados inúmeras vezes e outros políticos que foram citados uma ou duas vezes mas que não tiveram indícios ou provas suficientes para que sejam considerados suspeitos.

Considerando estes simples argumentos lógicos não há como colocar no mesmo barco, por exemplo, Lula e Aécio. Indícios e investigações contra um são infinitamente maiores que o outro, que sequer é investigado, o que não significa que não possa ser investigado.

O que surgir de denúncia contra o Aécio ou outro membro do PSDB deve ser investigado, mas agora, dia 12 de março de 2016, não há qualquer indício ou prova que envolva o Aécio ou algum dos caciques do PSDB em denúncias, o mesmo não podendo ser dito, por exemplo, de Renan e Cunha, com várias investigações por parte da PGR.

O argumento furado que alguns defensores do governo têm colocado nos últimos dias de que as pessoas não devem ir às manifestações porque vai gente do PSDB é um absurdo total, pois o partido do governo tem sobre si várias denúncias e investigações, enquanto não pesa qualquer denúncia sobre o PSDB.

Não importa se a pessoa simpatiza com partido A ou partido B, importa se ater aos fatos e não em suposições ou fofocas e no dia de hoje não há qualquer denúncia ou prova contra a cúpula do PSDB, esse é o fato que quebra totalmente a retórica maniqueísta do petismo que quando está acuado tenta colocar a culpa, até mesmo dos próprios erros, na oposição. Não caiam nessa, até porque o trabalho de transformação é um passo por vez: o primeiro passo é retirar o governo que institucionalizou um projeto criminoso de poder, depois desse primeiro passo as investigações prosseguem e quem estiver envolvido, de que partido for, responderá pelo ato corrupto que porventura tenha praticado. O aprofundamento da Lava Jato vai limpar bastante o cenário político, inclusive com a real possibilidade de cassação de legendas partidárias.

A partir dos próximos meses veremos o crescimento de partidos mais voltados para o aspecto liberal e menos estatal (o que é diferente de esquerda e direita), assim como o enfraquecimento de políticos e partidos de extrema esquerda (sobretudo os que tentam parecer que são sociais democratas, como o psol que apóia a ditadura venezuelana e quer posar de social democrata, quando na verdade é extrema esquerda socialista)

Cada vez mais a política brasileira após o fim do atual governo (e do seu partido), por cassação ou impeachment, trará o crescimento de um congresso mais liberal (menos estatal) e mais de centro esquerda e centro direita, com o crescimento de partidos como o DEM e de políticos mais liberais e de centro esquerda (sociais democratas) e centro direita (coisa que por enquanto o Bolsonaro está longe de ser, muito mais próximo de um Trump que é extrema direita e seria um desastre, nos EUA ou no Brasil).

Limpando o pessoal que se envolveu, de que partido for, no esquema de corrupção (instalado pelo governo) nos próximos meses, e o pessoal ideologicamente de extrema esquerda (permitindo assim o crescimento dos partidos mais voltados ao espectro liberal e de centro esquerda e centro direita, com a diversidade e surgimento do verdadeiro debate democrático) já teremos um bom avanço em vários temas, principalmente na reforma tributária e da previdência, assim como o sepultamento de vez do ideário de extrema esquerda (estado cada vez mais total ou socialismo que é bem diferente de social democracia).

Para diferenciar um socialista de um social democrata, basta que se responda 3 perguntas feitas para uma pessoa que se diga de esquerda: Apóia o Manifesto Comunista de 1848? Apóia o regime de Maduro? Apóia o regime dos Castro em Cuba? Se a resposta for sim para qualquer uma das três perguntas a pessoa é socialista, se for um "não" veemente ela é social democrata e se ela não souber responder ela ou não sabe o que é a nível político ou não quer mostrar realmente no que acredita. É simples, diferenciar um socialista ou extrema esquerda de um verdadeiro social democrata.


COMO ESCOLHER UM POLÍTICO?

O primeiro ponto é observar se o político tem algum envolvimento com corrupção, ou seja, se pesa sobre ele investigações com indícios ou denúncias sólidas sobre esquemas que envolvam corrupção, separando o que é falácia e retórica do que é realmente fato apurado, pois como vimos nas últimas eleições diversos factóides foram criados, tanto sobre o candidato Aécio como a candidata Marina sem que nenhum tenha sido provado.

O segundo ponto é identificar a ideologia do político e do partido. Eu, por exemplo, acredito que a Heloisa Helena, que já foi do PT e do PSOL é uma pessoa que não se envolveu em corrupção e apesar de estar hoje na REDE (que apresenta um espectro de centro esquerda e liberal vide o programa econômico do Eduardo Gianeti para a campanha da Marina) eu não votaria nela, pois ela esteve boa parte da vida em partidos de extrema esquerda e anti liberais. O mesmo vale para a Luciana Genro ou qualquer outro político do PSOL, eu acredito que ali deve ter muita gente boa e honesta, mas apesar do discurso de social democracia ou socialismo progressista, a raiz dele é o socialismo clássico, que apóia o manifesto comunista de Marx, defende a ditadura de Maduro e acha Cuba a quinta maravilha do mundo.

O mesmo vale para o Bolsonaro que precisa suavizar o discurso e melhorar a imagem dele que foi bem castigada por anos de combate da esquerda que sempre nutriu ódio por ele e o transformou numa caricatura semelhante ao que fizeram com o Enéas. Enquanto ele não se aproximar de um modelo liberal mais de centro direita, expondo claramente os projetos sociais que possui e tratando com mais diplomacia certas questões ligadas às minorias, que causam grande barulho nos eleitores da esquerda, ele dificilmente passará dos 10% ou 12% em um pleito nacional.

O que cada um precisa fazer agora é estimular os seus amigos e conhecidos a entenderem o que é esquerda e direita (verdadeiramente, além das idéias equivocadas de alguns esquerdas que querem transformar Marx em social democrata, coisa que ele nunca foi) e compreender o que é uma economia mais liberal e menos liberal, buscando compreender as propostas dos partidos e quais deles estão mais próximos de um modelo liberal, que valorize as leis, a democracia, o estado produtivo, com menos impostos e menos assistencialismo, mais eficiente, que valorize um modelo de bem estar social que respeite a responsabilidade fiscal, que estimule a produção empresarial (que gera empregos, riquezas e impostos) ao invés de priorizar como acontece hoje uma economia que é voltada para enriquecer bancos e quem aplica em bancos (juro alto, spread alto) e desestimula o investimento do pequeno empresário com burocracia, juros altos, pouco crédito e muito imposto, modelos que somados a política keynesiana são o ingrediente do fracasso da atual economia brasileira e da maioria das economias de esquerdas do mundo (a exceção da China, muito em conta pelo grande mercado e pelo trabalho quase escravo)


APÓS O FIM DO ATUAL GOVERNO E DO PROJETO CRIMINOSO, QUAL O PRÓXIMO PASSO?

O próximo passo é realizar mudanças no sistema político para fortalecer a democracia e as instituições: após a queda do sistema criminoso que tomou conta do país através do Executivo, mudanças na essência da política precisam ser realizadas, essencialmente o fim do presidencialismo e a adoção do parlamentarismo francês (que ainda preserva a força do presidente, mas torna mais fácil a substituição de entes políticos envolvidos com corrupção), assim como a adoção do voto distrital ou do voto distrital misto que favorece o poder das lideranças municipais em detrimento dos caciques e coronéis e enfraquece a ação de grandes empresas (ou do "grande capital" como gosta de dizer a extrema esquerda) no processo eleitoral.

Outras questões como acabar com a reeleição para presidente (inclusive de partidos) e leis mais severas para a corrupção, assim como a contenção de gastos com o poder público (salários menores, menos pessoas na máquina pública e apenas pessoas concursadas com o fim dos cargos de confiança) são algumas das medidas que a população precisa lutar nas ruas numa segunda fase como fortalecimento a democracia e combate a corrupção.

O livro "Brasil o Lírio das Américas" fala bastante sobre esse assunto, o engajamento popular vai e precisa prosseguir muito além da retirada da atual presidente do projeto de poder que ela representa, passa por dinamitar outras estruturas que dificultam o combate a corrupção, dificultam a transparência e que permitem a reorganização, ainda que enfraquecida, das pessoas ligadas ao ideário de extrema esquerda e que combatem a democracia, utilizando-se de um discurso falacioso de social democracia e demonização da direita. Todos os jovens devem ler O Manifesto Comunista de 1848 e estudá-lo para saber realmente o que é o pensamento da extrema esquerda e a diferença entre socialismo e social democracia para, dessa forma, não caírem mais no conto do vigário do “Marx social democrata defensor da justiça social”.

Não basta apenas acabar com o populismo na America do Sul como já está acabando, mas também acabar com o aparato ideológico que influencia futuras gerações.


FUTURO ENTRE 2016 E 2018

Engana-se quem coloca a queda da atual presidente e do partido do governo como o fim.... é apenas o começo. Mesmo com a inevitável prisão em breve do ex presidente Lula, a queda da atual presidente e a prisão de boa parte da atual cúpula do Governo logo depois do impeachment, o povo deseja exercer seu poder de escolha. Acredito que Temer vai esquentar a cadeira de presidente por pouco tempo, inclusive porque as provas da Lava Jato são suficientes para extinguir tanto o PT como o PMDB como partidos e também porque em maio Gilmar Mendes assume a presidência do STE e vai dar maior celeridade ao processo sobre a cassação da chapa que venceu as eleições ao que tudo indica de forma ilícita. Nesse cenário temos duas possibilidades:

CASSAÇÃO ANTES DE 2016 SE ENCERRAR

Nesse caso Temer é afastado e assume o presidente da Câmara por 90 dias enquanto novas eleições populares são organizadas. Seja Cunha ou qualquer outro, ele não fica como presidente mais do que 90 dias.

CASSAÇÃO APÓS 2016

Temer é afastado e o presidente da Câmara marca eleições para 90 dias, sendo que o Congresso define os candidatos e vota entre os nomes concorrentes numa eleição indireta.    

E O QUE PODE ACONTECER? QUEM SERÁ O PRÓXIMO PRESIDENTE?

Acho muito difícil tanto Aécio como Marina concorrerem a um mandato de 2 anos, com o país em crise profunda (mesmo com uma aliança entre os partidos no Congresso como ocorreu na época de Itamar, mas obviamente sem o apoio do PT e das extremas esquerdas que farão oposição a qualquer governo ou partido que não esteja alinhado com o ideário de extrema esquerda, sobretudo se for alguém do PSDB... alias, vamos superar as teorias da conspiração de que PSDB e PT são aliados do pacto de Princeton ou que o PSDB é direita, isso é papo de quem precisa questionar um pouco mais o que alguns “especialistas” andam dizendo por aí).

O que temos de certo é que os votos da esquerda (PT e franjas) que gira entorno de 18% a 20% vai para outros candidatos, provavelmente Ciro Gomes e Marina Silva, (mas como ela não deve se candidatar os votos devem ir para outros candidatos) e alguns votos, talvez uns 3% para Luciana Genro, um pouco mais se a Marina não entrar na disputa.

Serra ou Alckmin topariam, mesmo que dois anos e concorreriam. Com Bolsonaro oscilando entre 10% e Ciro Gomes herdando os votos da esquerda, teríamos uma eleição acirrada, com chances mais reais, na minha opinião, para Alckmin (pelos votos de SP) , mas dependendo do cenário político e do acirramento dos ânimos da esquerda, Bolsonaro poderia ir para um segundo turno. Minha opinião é que a melhor saída para um eventual mandato de 2 anos pelo voto popular seria um nome neutro, fora de radicalismos ou da luta entre esquerda (petistas) e PSDB, mais ainda, um nome experiente, que recebesse o apoio de Marina e que fosse visto tanto pela esquerda como a oposição como um nome de consenso para um processo de transição política. Segundo informações dos amigos guardiões esse nome já existe e seria apoiado por Marina Silva e com forte chance de se eleger, trata-se de Roberto Freire.

Caso Aécio ou Marina concorram, um dos dois será eleito, somente dois nomes poderia derrotar os dois candidatos: Joaquim Barbosa ou Sérgio Moro mas a possibilidade de um dos dois concorrer é remota.

Se a eleição for via Congresso (pós 2016) creio que Serra ganhe ou ainda um outro político com boa entrada entre os políticos do DEM, PSDB e PMDB e com perfil mais administrativo que não seja dos nomes “presidenciáveis” atualmente.


O RECENTE TEMPORAL OCORRIDO EM SP ENVOLVEU ALGUMA AÇÃO DOS GUARDIÕES?

Certamente que sim. Tem um texto no blog, que publiquei na época do grande terremoto do Nepal que explica amplamente como o mundo espiritual atua nos eventos de ordem natural. Este texto está aqui:

Seja em processos de desencarnes coletivos ou combater milícias umbralinas em missões específicas, os guardiões se utilizam da energia produzida pelos fenômenos naturais muitas vezes potencializando tais fenômenos ou limitando tais fenômenos dependendo do objetivo envolvido. Como nos últimos dias ocorreu um grande acirramento na cidade de SP por conta dos recentes acontecimentos envolvendo o ex presidente Lula, muitas formas pensamento negativas ligadas à vingança e raiva se multiplicaram acima da média, sendo que o maior número de chuvas e raios serviu exatamente para desfazer essas formas pensamento deletérias ao mesmo tempo em que forneceu energia extra para que os guardiões combatam milícias trevosas interessadas em estimular a baderna nas manifestações.

Como foi explicado no texto do link acima, tais eventos decorrem como resposta da própria natureza aos desequilíbrios produzidos pela humanidade, a semelhança de uma “válvula de escape” utilizada pela própria fisiologia planetária para depurar o excesso de energias negativas produzidas pelo desequilíbrio dos seus habitantes que devido ao grande número de encarnados (com muito ectoplasma) em desequilíbrio, produzem grande cota de energia desequilibrada. Tanto no livro “Brasil o Lírio das Américas” como em “Armagedoom 2036” há vastas explicações sobre esses fenômenos e a sua ligação com questões kármicas e ações dos guardiões    


AÉCIO SERÁ ELEITO? BOLSONARO SERÁ ELEITO?

Creio que ele disputará a eleição de 2018 e não disputará uma eventual e provável eleição em 2016 e acredito que sim, ele será eleito, organizando um governo com os nomes mais competentes para o governo, inclusive chamando Joaquim Barbosa e Sérgio Moro para importantes funções.

Bolsonaro por enquanto não possui chance de ser presidente, necessita aproximar-se da bancada democrata do Congresso e apresentar propostas de cunho mais social e diminuir a imagem de radical de direita, talvez assim consiga disputar um segundo turno, mas dificilmente terá votos para superar Aécio, nome consolidado na oposição e na “esquerda soft” e liberal ou Marina, herdeira dos votos do PT. Hoje em dia os nomes mais fortes a direita são os de Caiado e Carlos Sampaio, há um longo caminho e uma longa rejeição para que o Bolsonaro pense em ser presidente, acredito que ele inclusive tentará o governo do RJ em 2018, o que na minha opinião seria uma jogada mais inteligente.



HAVERÁ CONFUSÕES NAS MANIFESTAÇÕES?

Os guardiões estão trabalhando para que ocorra tudo na mais absoluta tranqüilidade, apoiando espiritualmente o contingente policial que acompanhará as manifestações. No máximo o que pode ocorrer é algum evento isolado, como o ocorrido na primeira manifestação, quando um pequeno grupo tentou entrar na manifestação com objetivos suspeitos em suas mochilas e foi rapidamente contido pela policia. No geral, a exceção de um ou outro grupelho que possa tentar provocar os manifestantes que estarão em maior número, tudo ocorrerá de forma tranqüila e sem maiores problemas.

O mais provável que aconteça em alguns pontos é a ida de pequenos grupos, de no máximo 5 a 10 pessoas defendendo o governo, na espera de serem agredidos ou hostilizados pela maioria e assim conseguirem uma manchete de que foram vítimas de violência dos opositores ao governo, por essa razão a indicação que já tem sido feita em todos os meios é de muita tranqüilidade e paz no coração, a partida está ganha, não é a hora de cair em provocação e perder a serenidade e sim de agir com inteligência.  


AS INVESTIGAÇÕES PROSSEGUIRÃO? A PF TERÁ CORAGEM DE IR ATÉ O FIM E PEGAR OS PODEROSOS ENVOLVIDOS COM CORRUPÇÃO?

Certamente, inclusive após a deposição da presidente e prisão em breve do ex presidente ainda teremos tentativas de reação dos movimentos e grupos ligados a extrema esquerda. Tanto o exército como o efetivo militar da quarta frota americana, que estará próximo ao litoral de SP durante as manifestações não permitirá qualquer sublevação de grupos que queiram combater a ordem pública ou estimular badernas por serem contrários às ações que a Justiça realizará, pois muita gente da cúpula do atual governo ainda será presa. Ainda haverá algumas situações e tentativas desesperadas de reagrupamento, sobretudo no início da década de 20, mas não obterão sucesso, o populismo está com os dias contados na América do Sul e nada, nenhuma ação poderá deter o curso deste processo


HAVERÁ TOMADA DO PODER PELOS MILITARES?

Não, não haverá.


HAVERÁ GOLPE?

Não, o impeachment, assim como a cassação de chapa são dispositivos constitucionais, portanto legais. Golpe acontece quando as leis constitucionais não são observadas e quando não há amplo direito de defesa dos envolvidos, o que não é o caso do atual governo que vai cair pelas vias legais e democráticas.


O QUE VOCÊ PODE FALAR SOBRE NAPOLEÃO E OS REVOLUCIONÁRIOS FRANCESES ENCARNADOS NO BRASIL?

Está tudo no livro “Armagedoom 2036” ao longo de várias páginas, não compensa pegar alguns trechos e por aqui, pois é necessário ler todo o livro para compreender alguns contextos que estão ali descritos.


E A MULHER DO JUDICIÁRIO QUE SERIA PRESIDENTE?

Segundo as informações trazidas no livro “Brasil o Lírio das Américas” tínhamos dois caminhos a escolher nas eleições de 2014, um mais duro e um mais suave, sendo que alertei que a reeleição da atual presidente seria o mais duro. Mesmo assim, os guardiões continuam trabalhando para evitar que alguns eventos do caminho mais duro se materializem, evitando assim uma guerra civil no Brasil. De qualquer forma existe sim o planejamento de uma mulher ligada ao judiciário assumir futuramente a presidência ao longo da década de 20 em conjunto e com o apoio de forças políticas ligadas a uma ideologia mais liberal de economia, mais de centro direita (como é atualmente na Alemanha) e que contará com a participação dos jovens, sobretudo os ligados as forças armadas, exaltando os valores de disciplina, ordem e honestidade (algo muito próprio do perfil militar que ascende nas Eras de Saturno, que começará em 2017) e dentro desse contexto teremos o surgimento do homem do cavalo branco. A linha mestra está traçada no relato contido naquela obra, até o momento tem acontecido praticamente “a risca” o que foi relatado no livro, vamos aguardar e continuar trabalhando por um país melhor: mais unido, mais fraterno, mais produtivo e, sobretudo mais esclarecido nas questões sociais e políticas.  


SE AS MILÍCIAS UMBRALINAS JÁ SABEM DA DERROTA PORQUE AINDA LUTAM?

Pelo mesmo motivo que diversas pessoas têm dificuldade em reconhecer que escolheram ou acreditaram em uma ideologia ou caminho errado por anos ou por vezes, décadas: vaidade e orgulho. Não é fácil reconhecer que por tanto tempo uma pessoa foi enganada, que seguiu um caminho errado, que acreditou numa história da carochinha, então por parecer tão vexatório reconhecer o erro ou humilhante (quando na verdade parece vexatório ou humilhante pelo orgulho da pessoa de presumir que não poderia ter feito um juízo de valor tão equivocado), a pessoa prefere prosseguir na “causa”, tentando mostrar que tem alguma força ou fibra, até porque os próprios grupos ligados “a causa” estimulam a idéia de que aquele que abandona a causa ou questiona certos valores é um fraco ou um infiel e que não merece pertencer a “família” (no caso um agrupamento artificial de pessoas ligadas pelos mesmos interesses). Por tudo isso é que é tão difícil desistir de uma luta ou mudar de opinião: vaidade, orgulho, medo de ser rejeitado pelo grupo que até então acolhia a pessoa.    


OS FANÁTICOS SÃO MANIPULADOS PELAS MILICIAS DO MAL?

Certamente, o que não anula a responsabilidade destes (fanáticos), pois continuam exercendo seu livre arbítrio, apenas permitiram pelo próprio descuido e vontade que fossem dominados por formas pensamento, egrégoras e entidades que nada mais fazem do que estimular pensamentos e sentimentos que já existiam no interior da pessoa.



MENSAGEM DE ENCERRAMENTO DOS GUARDIÕES ANIK E JEREMIAS

Como encerramento deste texto, deixo uma pequena mensagem dos amigos guardiões transmitida no dia de hoje, motivando e aumentando a fé de todos nós que buscamos a construção de um país melhor:

“Amigos e amigas da Terra do Cruzeiro do Sul, o Sol renovado de esperanças desponta no horizonte dos corações brasileiros no próximo 13 de março. Nós, daqui do mundo espiritual, vibramos em paz e alegria pelo despertar desta grande nação. Vislumbramos o fim, muito próximo, das grandes dificuldades econômicas que vocês enfrentaram nos últimos dois anos.

Não permitam que sentimentos de violência e vingança contaminem os seus corações; a luta pela democracia e o combate a corrupção deve elevar positivamente os ânimos de cada um de vocês com alegria e uma fé inabalável de que os destinos do Brasil estão muito acima de interesses pessoais e partidários, estão em verdade nas mãos do povo que apóia a justiça e a democracia

Unidos e em busca de um país melhor, debatendo e fiscalizando os políticos, participando da política com engajamento e novas idéias sem, entretanto, colocar ideologias partidárias e políticos acima do país. Compreendendo que independente do partido ou ideologia, os indícios de corrupção devem ser investigados e fiscalizados pela população.

O Brasil não é monopólio da esquerda e nem será da direita. O Brasil não é monopólio de ditadores aventureiros e partidos ditatoriais que subvertem a democracia política. A depuração que tem acontecido no âmbito político prosseguirá, a justiça será feita sobre todos que tenham participado da dilapidação do patrimônio público, desde o mais conhecido político ao mais influente empresário.

Desmantelamos uma gigantesca organização com ramificações no mundo físico e espiritual, o primeiro passo foi dado, mas muitos ainda virão. Necessitamos que cada um de vocês colabore nesse processo de mudança, questionando e combatendo discursos que estimulem lutas entre irmãos por conta de sua classe social, opção sexual ou cor de pele

Questionando e combatendo discursos que sejam contrários ao pluripartidarismo

Questionando e combatendo o uso de violência contra pessoas e contra o patrimônio público e privado.

Questionando e combatendo sempre o bom combate: de forma pacífica, serena, segura, estimulando sempre o esclarecimento com base na razão e nos fatos, pois é desta forma que estimularemos uma nação mais fraterna e esclarecida.

A transformação e a justiça social nascem da união popular, de um povo esclarecido que conhece e respeita as leis e sua Constituição e exatamente por este motivo pode combater de forma mais ativa a corrupção e fiscalizar seus entes políticos, participando de forma ativa da vida política, reiteramos, debatendo novos caminhos, novas leis, que tornem o Estado mais produtivo, menos corrupto, mais democrático e que estimule a qualificação e a livre iniciativa dos seus cidadãos, pois é exatamente através de uma nação produtiva, que valoriza o trabalho e a produtividade, que o Brasil poderá explorar todo o seu potencial agrário e industrial, qualificando-se para a missão confiada pelo Alto: tornar-se o Coração do Mundo.

Cabe ao povo construir de forma ativa e ordeira um Estado que marche rumo ao progresso. Que estas manifestações dos últimos 12 meses sejam o prenúncio de um engajamento ainda maior do povo dentro de novas questões políticas e sociais, uma população ativa pela transformação social, não por meios tirânicos ou violentos, mas sim pela união e pela paz entorno das leis e da democracia, que compõe as verdadeiras ferramentas capazes de combater a corrupção e a desigualdade social quando estão em mãos conscientes, fiscalizando e trabalhando, não por um projeto político ou partidário, mas trabalhando verdadeiramente pelo Brasil e todos os brasileiros” (12 de março de 2016)

Aos que quiserem se aprofundar nestes temas, os dois livros citados ao longo do texto, “Brasil o Lírio das Américas” e “Armagedoom 2036” estarão em grande promoção no site do Clube dos Autores até o dia 16 de março, basta clicar nos dois banners abaixo para entrar no site dos livros e quem quiser um pdf com trechos das obras, envie um email para profecias2036@gmail.com      

 .




Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:

Fórum Profecias 2036:

Grupo do Facebook  Profecias 2036: 


9 comentários:

João Inácio disse...

oi Zé!
Me preocupa o fato de que boa parte do domingo se dará sob uma luz vazia (e de fase nova, ainda por cima)

Me desanima (e não há como ser de outra maneira) a quantidade de jovens que defendem a corrupção em nome de uma pretensa democracia.

Me preocupa a quantidade de jovens, bem instruídos, bem alimentados, bem lidos, com todo o acesso que a internet possibilita nos dias atuais, que compraram o discurso da situação "de que há julgamento seletivo", de que governos anteriores cometeram "crimes maiores", de que a crise hj não é nada perto da crise na época da hiperinflação (o que está longe de ser verdade por uma infinidade de motivos), enfim, parece-me que, inclusive AUMENTOU a quantidade de jovens nessa situação em comparação a 2013 (inclusive pessoas de minhas relações pessoais, que vem agindo com extrema agressividade, o que me afastou delas)..... Minha impressão está errada?

Quero deixar claro que acredito no Brasil como pátria do Evangelho e que confio e fico aliviado por termos a proteção e guia dos guardiões Anik e Jeremias. Mas apenas faço esse adendo. Tenha a nítida sensação de que uma parcela nada desprezível dos jovens brasileiros degeneraram em pouquíssimo tempo e que não os vejo enxergando a verdade.

Será preciso algo de proporções titânicas para esse pessoal ter um choque de realidade????

Não é toda a corrupção, crise, roubalheira, desemprego que me desanima. Isso é fato conhecido e que nós que seguimos o blog estamos perfeitamente cientes dos caminhos e processos e de quão difícil eles seriam e estão sendo. Não tem nenhuma novidade aí. Tudo está caminhando como programado pela alta espiritualidade.

O que me entristece é perceber esse súbito apoio INCONDICIONAL e CEGO por tantos jovens, bem informados e cultos, a este projeto criminoso. Isto era algo que eu não esperava. E tb me choca que parece que NADA fará esse pessoal mudar de ideia....


Estariam eles perdidos?

Há uma outra consideração, mas não gostaria de a fazer aqui neste espaço. Talvez a faça por e-mail.

Muita paz, muita luz e muita força para todos nós, que lutamos e desejamos um país melhor e que seja justo para todos! Que o amor incondicional do Pai se derrame sobre nós. E que as hostes de Anik e Jeremias nos protejam e nos dêem as forças necessárias!

Luís Gabriel N. Simas disse...

Se os Guardiões estão conosco, não temos nd o que temer!

João Inácio disse...

Lua vazia, não Luz vazia :)

Marcio Viana disse...

Vendo alguns vídeo ouvi bolsonaro a pedir menos estado estado minimo, mesmo assim, neca de conseguir alguma coisa boa para se eleger?

O Autor disse...

Olá, José,

Por isso não confio muito na REDE, tem muitos políticos socialistas e tradicionais, apesar do programa econômico mais liberal que o de Aécio na campanha de Marina (que tava no PSB na época).

O Partido NOVO é completamente liberal, bem próximo da idéias de Glória Álvarez, mas começou do zero e não tem nenhum político eleito ou de carreira, difícil saber se terá recepção. O NOVO possui uma ala mais conservadora dentro dele também. Ele seria mais centro-direita. Talvez ao longo do tempo se torne importante?

Outro de centro direita é o DEM, mas tem um histórico bem manchado e nem sempre segue a risca sua linha programática.

O PSDB é muito rachado e não tem militância, não sei se conseguirá ter relevância como um partido social-democrata sem uma séria reformulação.

Eu acredito que muito ainda vai ocorrer e que falar em nomes ainda não faz sentido, pois o ambiente pode mudar e novos nomes surgirem. SE o sistema de governo mudar novas dinâmicas surgirão. Ainda mais se extiguirem PT, PMDB e PP... É uma possibilidade ou quase certeza?

Obrigado por seus relatos!!!

Rafael disse...

So tem um caminho para a reconstrução do pais ou do mundo. Este caminho ou passa pela dor ou passa pelo amor. Com certeza, podemos esperar muita dor e muita mesma.Quem viver, vera. Nao adianta acreditar no contrario.Para uma massa embrutecida, somente a lapidação do duro martelo, pode resolver.

Pat Kovacs disse...

Saudações, José.
Mais uma vez, Gratidão por seu trabalho e por sua boa vontade de nos passar informações e ensinamentos.
Com você e com tudo isso que nos traz, encontro respaldo aos meus 'achismos', é reconfortante saber que pelo menos o caminho certo está sendo seguido. Atualmente há informações demais para todos os lados, opiniões demais, e eu tenho problema cognitivo que me atrapalha muito e me causam alguns transtornos, especialmente com as pessoas, que geralmente não toleram esse tipo de deficiência como toleram uma deficiência física... daí que um debate e a interação se tornam muito complicadas.
Por exemplo, acredito que deva abolir o especismo e que onde hoje ainda haja áreas naturais intactas, devem se manter intactas, mas há uma jogada (que acho ser de maldade, má fé mesmo)que está colocando aqueles que lutam pelos direitos animais e preservação da natureza como sendo de doutrinas vermelhas disfarçadas de ambientalistas, ecologistas, abolicionistas. Daí que fica difícil para eu me nortear sozinha.
Obrigada por mais um post esclarecedor.
Paz e Luz.

Carla Biscaglia disse...

A doutrinação marxista gramsciana aplicada tanto na formação de professores como nas universidades (principalmente na área de humanas e comunicação) é a responsável pela lavagem cerebral que a maioria dos jovens se encontra hoje.

Começaram a infiltração lá nos anos 70, formando toda uma (ou mais) geração que para respaldar o ideal socialista.

Teremos um árduo trabalho pela frente. Obrigada por nós passar seus relatos, isso nos traz esperança para o porvir

Eduardo Alves disse...

Gilmar Mendes acaba de ser anunciado como o próximo presidente do TSE apartir de maio. Olha mais uma profecia realizando. Ele dará celeridade no processo de cassação da chapa PT/PMDB