4 de jan de 2012

Benjamin Solari previu o Ápice da Grande Tribulação

Benjamin Solari Parravicini e o relógio profetico pra 2036, profecia



Benjamin Solari Parravicini foi um artista plástico argentino nascido em 1898 com dons paranormais que começaram a se manifestar ao final da década de 30. Ele desenhava e colocava mensagens junto a esses desenhos, alguns deles se mostraram profecias que inclusive já se realizaram como a morte de Hitler e Mussolini, o ataque as torres gêmeas, o atentado ao presidente Kennedy, a recente grande crise das bolsas americanas em virtude da bolha imobiliária e também o terremoto devastador no Haiti.

Pra conhecer esses desenhos e algumas interpretações, basta entrar nesse link: AQUI 

Num dos seus famosos desenhos, com os dizeres “La hora de La gran tribulacion  há llegado” (a hora da grande tribulação chegou), desenhado em 1938, Benjamin Solari fez um relógio estilizado que marca 2 horas e 2 minutos segundo a figura abaixo:

Benjamin Solari Parravicini e o relógio profetico pra 2036 interpretado

O ponteiro das horas marca entre os números 2 e 3 e ali estão três números romanos: 10, 11 e 12. Do lado esquerdo aparecem somados os números romanos 1 e 2. A interpretação é relativamente simples: o lado esquerdo se refere ao milênio, ou seja, somamos 1 e 2 e termos o terceiro milênio, que se iniciou em 2001. Da mesma forma temos de somar os três números romanos do lado direito, afinal se somamos do lado esquerdo pra encontrar o milênio devemos também somar do lado direito onde o ponteiro das horas aponta, dessa forma encontramos o número 33.

Teve gente (esquisotéricos entusiastas da teoria falsa de 2012) vendo 2012 no relógio. Ora, se somamos para achar o milênio temos de também somar pra achar o ano. Além disso, Benjamin foi claro: ele está mostrando aqui a hora da tribulação e não uns espaços de tempo, dessa forma as horas não apontam pra 2010, 2011 e 2012, mas sim para o ano 33 do terceiro milênio. Portanto, nada de 2012 ou profecias malas.

Vamos então começar a parte interessante: encontrar a data exata, a hora da grande tribulação no que o relógio permite. Do lado esquerdo temos a indicação do milênio, do lado direito no ponteiro das horas a indicação do século, década e ano. Mas pra saber as horas exatas necessitamos entender o que significa o ponteiro dos minutos, afinal quando alguém pergunta que horas são não respondemos apenas a hora, mas a hora e os minutos. Os minutos mostram com mais precisão, ou seja, os meses e dias.  

Precisamos então encontrar a relação entra as horas e os minutos para entender a pista deixada pelo profeta: os ponteiros marcando 2 horas e 2 minutos. Ele mostrou claramente o milênio, o século, a década e o ano no relógio, podemos entender que a relação das horas para os minutos é de 10 pra 1, ou seja, os minutos representam um décimo de 33 anos. Essa relação é facilmente percebida pelo esquema abaixo:

1 Milênio =  10 séculos
1 Século =   10 décadas
1 Década =  10 anos

Não foi a toa que ele deixou um mesmo número (2) representando as horas e os minutos, foi mais uma pista para considerar essa relação e descobrir o valor temporal dos minutos no relógio da grande tribulação.
   
Então vamos às contas: vejamos quantos dias teremos até o ano 33 no terceiro milênio, considerando os anos bissextos. Teremos 9 anos bissextos (ou seja, 9 anos com um dia a mais) então basta fazer a conta: 33 x 365 e somar 9 = 12.054 dias.

Um décimo é precisamente 1.205 dias, o que equivale exatamente há 3 anos e 110 dias. Portanto, o horário exato da grande tribulação segundo Benjamin Solari considerando as horas e os minutos do seu relógio profético e considerando que o ano de 2036 tem um dia a mais em fevereiro é 2033+ 3 =2036 e mais 110 dias, que no ano bissexto de 2036 cai em 19 de abril.

Resumindo: ele deixou números para somarmos e achar o milênio, números para somarmos e acharmos o ano nas horas e com mais precisão um número nos minutos, que somado às horas, traz o horário exato da grande tribulação.

Apophis, Terra, asteroide se aproximando, 2036 choque de asteroide

A data profetizada por Benjamin Solari é bem próxima a data que venho divulgando aqui no blog: 24 de abril de 2036. Provavelmente foi a mesma data que ele viu também, mas pelas limitações de expor essa data de forma figurada em um relógio (dividido em horas e minutos) foi o mais próximo de se chegar figurativamente através do relógio. Uma diferença mínima de 5 dias, mas expressa de forma genial por esse grande profeta que já possui várias profecias cumpridas.

Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook:

http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036




Um comentário:

José Alencastro disse...

Sobre a figura em si: se destaca uma pessoa com um capuz no centro da figura que apa-rentemente representa a morte, o auge do Apocalipse onde bilhões desencarnarão. Aci-ma dos números que somam 33 se observa uma casa de aspecto redondo, uma janela e uma cruz na porta, provavelmente representando a Igreja que deve iniciar seu processo de extinção justamente pelos idos de 2033. Através da cabeça dessa pessoa vemos uma torre com uma antena, provavelmente é a torre que terminará de ser construída até 2036 no local onde caíram as torres gêmeas. Atrás dessa torre parece chegar uma imensa on-da, mas que talvez represente um grande monte pegando chamas (talvez uma referencia ao confronto entre árabes e judeus no monte megido previsto como o Armagedon). A-baixo, próximo ao corpo estilizado dessa pessoa pode se ver algo que parece um barco e bem no canto direito os traços ondulados representariam as águas, ou seja, o barco (ter-ra) antes inclinado seria verticalizado pela força das águas (verticalização da Terra tal-vez)